Espiritualidade

Religiao-e-diferente-de-Espiritualidade-500x371Eu não sei ainda bem o porquê de eu pensar de uma forma bem diferente de pelo menos, 80% do evangélicos que conheço. Eu conheço pessoas de muitos tipos de igreja, Deus é amor, Universal, Quadrangular, Batista, Bola de Neve, Adonai, Verbo vivo e por ai vai.
Com muitos deles eu já cheguei a discutir, por vezes, brigar mesmo com eles por conta desses problemas teológicos. E por quê?
Por eu acredito que ir à igreja é um ato social, uma comunidade de pessoas que se reúnem para comungar e simplesmente, expor suas crenças para um Deus ou uma filosofia. Para mim, isso é um ato religioso, para manter forte sua religião e fortificar essa crença em cada um que participa desses encontros. O fato de as pessoas quererem viver uma relação intima com esse Deus e/ou filosofia, o transforma em uma pessoa espirituosa, alguém que transcende sua carnalidade, sua humanidade física para viver algo espiritual, se relacionar com um ser que não é visível a olho nú e/ou a um pensamento que talvez não tenha um pingo de racional, mas que para alguém faz o maior sentido.
Um homem chamado Ariovaldo Ramos disse:

O valor da espiritualidade está no resultado na vida de quem a cultiva. Quando quiser analisar a espiritualidade de um povo, não se deve ir aos templos mas deve-se ir às ruas, aos palácios, aos tribunais, às empresas e às escolas. Porque no templo mede-se a religiosidade, mas a espiritualidade mede-se pela forma como as pessoas vivem.

Ouço tantos dizendo que não ir à igreja vai enfraquecendo a fé e fica-se fraco e propício à queda. Acredito nisso também, mas acredito que isso se aplica àqueles que não tem sua espiritualidade enraizada em um ser superior, mas sim, na sua religião, na crença prega por um líder religioso que o induz a dezenas de coisas.
Ouvindo um pregador, uma vez, chamado Ed René Kivitz, ele dizia que a Bíblia não é um livro para que não crê em Deus, porque é um livro escrito para nortear os que crêem no Deus descrito naquelas páginas. Caso não se acredite, a Bíblia é mais um livro sem propósito e razão.
Espiritualidade é a forma com a qual alguém se conecta a um Deus, a uma filosofia, a um estilo de vida que transcende esse nosso capitalismo, o nosso egoísmo, nossa prepotência e tudo aquilo que nos sobrevem por meio desse século de tanta transformação e diminuição da comunidade e exaltação ao individualismo.
Eu acho válido a freqüência em cultos e encontros, válido pela oportunidade de mostrar comunhão, por se comungar, por se unir a outros, por viver em comunidade, por diminuir o individualismo, por se mostrar humano.
Mas, gostaria de salientar o propósito deste texto, espiritualidade é a forma como se vive.

Abraço

Anúncios

Um comentário sobre “Espiritualidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s